Imagem

Ilan Brenman

Ilan Brenman, escritor, nasceu em Israel e vive em São Paulo. Psicólogo formado pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), com doutorado em Educação pela Universidade de São Paulo (USP), é considerado um dos mais importantes autores de livros infantis do Brasil e já escreveu mais de 70 livros, sendo alguns deles traduzidos para diversos países ao redor do mundo, como Alemanha, França, Espanha, Suécia, Itália, Polônia, China e Coreia. Sua paixão por literatura infantil teve início nos anos de 1990, quando era estagiário em um projeto de educação e contava histórias para crianças. Atualmente Ilan compartilha suas reflexões sobre educação, cultura e outros assuntos em sua coluna mensal na Revista Crescer e também na Rádio CBN. Além disso, viaja pelo mundo dando palestras e participando de mesas de debate em feiras de livros, escolas, universidades públicas e privadas sobre temas contemporâneos nas áreas de ccultura, família, literatura e educação. É autor de O sapo e os meninos (2017), Vó, para de fotografar (2017), Saci, a origem (2016), A amizade eterna (2016), O livro secreto das princesas que soltam pum (2015), A mula sem cabeça (2015), A sabedoria do Califa (2014), Histórias do pai da história (2013), Telefone sem fio (2010) e Até as princesas soltam pum (2008), entre outros livros, em que conjuga, com inventividade, histórias pessoais e narrativas ancestrais que fazem o universo infantil se tornar ainda mais mágico.


Seus livros: